Seguidores

Marcadores

artesanato (170) receitinha (107) tecido (99) feltro (94) IDÉIAS LEGAIS (75) gráficos (71) moldes (71) ponto cruz (63) riscos (60) reciclagem (56) crochê (53) bordados (51) flores (40) gato (39) bichinhos (33) plantas (27) reaproveitamento (27) texto (25) galinha (20) natal (20) almofadas (19) PAP (18) alfabeto (18) Ideias Legais (17) selinho (16) cachorro (15) jardins (15) bebê (14) monogramas (14) flor (12) guirlanda (12) ponto cruz infantil (12) sapatinhos (12) trico (11) PAP. (10) biscuit (10) patchwork (10) animais (9) eva (9) monogramas.bordados (9) papel (9) pet (9) FIGURAS (8) borboletas (8) foto (8) porcelana fria (8) reaproveitando (8) reaproveitar (8) alfineteiros (7) bolsa (7) bonecas (7) decoupage (7) fuxico (7) móbile (7) reciclando (7) bico crochê (6) coelho (6) coruja (6) customizados (6) grafico ponto cruz (6) puxa-saco (6) receita trico (6) desenhos (5) flor croche (5) riscos para pintura (5) tecido papel (5) BOTÕES (4) artesanato vídeo (4) bolsa crochê (4) caixotes (4) crianças (4) decoupage em isopor (4) diversos (4) docinhos (4) foto piuma (4) graficos (4) linha (4) mensagem (4) piadinhas (4) tutorial (4) video artesanato (4) anjos (3) cadernos encapados (3) casa passarinho (3) chinelo (3) flor feltro (3) fofos (3) forminhas (3) fotos engraçadas (3) grafico crochê (3) joaninha (3) letras (3) madeira (3) maças (3) pano cozinha (3) peso porta (3) pintinhos (3) ratinho (3) sabão caseiro (3) sapinho (3) sorteio (3) suculentas (3) tapete croche (3) utilidade doméstica (3) vaquinha tecido (3) video artesanato natal (3) vídeo artesanato (3) abajour (2) caixas (2) canetas com flores (2) comidinhas (2) decoupage em vidro (2) flor fita (2) frutas (2) jardim vertical (2) latas (2) morangos (2) pinguim (2) pneu (2) poço para jardim das fadas (2) pregador (2) puff (2) roupas bebê (2) sabão (2) sapo (2) semaninha (2) tapetes (2) trico bebê (2) ímãs (2) DETERGENTE CASEIRO (1) SABÃO EM PÓ CASEIRO (1) almofada (1) amaciante caseiro (1) arvore natal (1) bainha aberta (1) banco (1) bandô (1) batedor de porta (1) bolo caneca (1) bolos (1) boneco ecologico (1) bruxinhas (1) cabide (1) cachecol (1) cachepô (1) cama gato (1) capa bule (1) capa para máquina costura (1) casaquinho tricô (1) casaquinhos (1) cobre bolo (1) colcha retalhos (1) comida passarinho (1) decoração (1) dicas (1) enfeite (1) fadaponto cruz (1) fadinhas (1) filhos (1) flor papel.. (1) fogareiro (1) fonte (1) galinha em tecido (1) gatinhos (1) gato.casinha passarinho (1) gavetas (1) gorro bebe (1) guirlanda porta maternidade (1) jogo americano (1) jogo banheiro (1) jogos banheiro croche (1) lacre latinhas (1) laguinho (1) legumes (1) libelulas (1) magrelas (1) mar (1) moldura (1) morango (1) orquideas (1) pantera (1) patchapliquê (1) pato (1) pegador de panelas (1) pelerine crochê (1) porcquinho (1) porta arcos cabelos (1) porta celular (1) porta lápis (1) porta papel higiênico (1) porta papel higiênico coruja (1) porta retrato (1) pregadores de roupa (1) recadinho (1) reciclagem cd (1) relogio vaca (1) retalhos (1) rótulos (1) sandálias (1) vaca (1) vidros (1) vintage (1) ímã geladeira (1)

03/09/2011

Piadinha...Como dar notícia ruim...

 Alô, Sô Carlos? Aqui é o Uóshito, casêro do sítio.
- Pois não, Seu Washington. Que posso fazer pelo senhor? Houve algum problema?
- Ah, eu só tô ligano para visá pro sinhô qui o seu papagai morreu.
- Meu papagaio? Aquele que ganhou o concurso?
- Êle mermo.
- Puxa! Que desgraça! Gastei uma pequena fortuna com aquele bicho! Mas morreu de que?
- Dicumê carne istragada.
- Carne estragada? Quem fez essa maldade? Quem deu carne para ele?
- Ninguém. Ele cumeu a carne dum dos cavalos morto.
- Cavalo morto? Que cavalo morto, seu Washington?
- Aquele puro-sangue qui o sinhô tinha! Eles morrero de tanto puxá carroça dágua!
- Tá louco? Que carroça d'água?
- Pra pagá o incêndio!
- Mas que incêndio, meu Deus?
- Na sua casa, uma vela caiu, aí pegô fogo nas curtina!
- Caramba, mas aí tem luz elétrica! Que vela era essa?
- Do velório!
- De quem?
- Da sua mãe! Ela apareceu aqui sem avisá e eu dei um tiro nela pensando que era ladrão!
- Meu Deus, que tragédia! - e o homem começa a chorar.
- Peraí sô Carlos, o sinhô num vai chorá pur causa dum papagai, vai?